sexta-feira, 3 de março de 2017

Short- Fic Make me Yours - Capítulo 01- O idiota do meu irmão





Edward Pdv


—Eu sei que você viu Edward. Mas eu juro que não é nada disso que você pensa. Nós estávamos apenas estudando.


—Claro que não é. A garota Stanley estava em cima de você porque vocês estavam apenas estudando. Anatomia só se for não é Riley?


—Ela veio pra cima de mim ta legal. Você é meu irmão. Não pode contar nada pra Bella.


—E na semana passada? Ela foi pra cima de você também? Você é meu irmão Riley, mas é um idiota. Bella é uma garota legal, se não quer mais nada com ela é só terminar. Ela não merece o que você faz com ela.


—Olha só, isso não é da sua conta. Não to pedindo pra mentir pra ela. É só ficar na sua.


—Você é um idiota - Disse dando as costas para ele.Peguei minha carteira, celular e chaves e fui em direção a cafeteria que Emmett trabalhava. Precisava conversar com ele. Ele podia ser um piadista, mas era meu melhor amigo. Me ajudaria com meus problemas. Eu estava fodidamente apaixonado pela namorada do meu irmão. E ele era idiota o bastante pra trai lá com uma garota sem graça como a Jéssica.


—Eaí cara.


—Eaí.


—Que cara é essa?


—O de sempre.


—Deixa eu adivinhar. Isabella Swan?


—É.


—Qual o problema dessa vez?


—Está ficando pior. Quase bati no Riley hoje de manhã.


—O que aquele tapado fez dessa vez?


—Ele não gosta dela, mas se recusa a admitir. Prefere trai la por aí.


—Cara. Deixa isso pra lá. É só uma garota. E bem... Você é você.


—Isso suou meio gay, e ela não é só uma garota Emmett. Eu realmente gosto dela.


—Ela é namorada do Riley. É melhor você esquece-lá. Sabe o inferno que ele fará se descobrir?


—Eu sei. Ele tem 18 anos, mas ainda age como uma criança. Um grande filhinho da mamãe. Sempre que as coisas fogem de seu controle, qualquer problema corre para mamãe.


—E você sabe o escândalo que Dona Esme fará se Riley disser alguma coisa não sabe?


—O mesmo de sempre. " Edward. Você é o mais velho. Tem que ser o mais responsável e colocar seu irmão em primeiro lugar"


—Exatamente. Então esqueça a garota.


—Ele nem gosta dela cara. Isso é o que mais me irrita. Ele sabe que eu gosto dela. Ele namora ela por pirraça. Porque sabe que eu gosto dela.


—Você não tem como ter certeza disso Edward.


—Se ele a amasse acha que ele a trairia com a Stanley?


—Você os pegou de novo?


—Duas vezes.- Disse revirando os olhos.


—E oque ele disse quando você o confrontou?


—Como sabe que eu o confrontei?


—Qual é Edward. Sou seu melhor amigo. Você pegou o tapado do seu irmão traindo a garota que você gosta. É claro que você o confrontou. O que ele disse?


—Ele disse que não é da minha conta.


—E de certa forma não é.


—Você está do lado de quem?- Eu queria que Emmett concordasse comigo.


—Do seu. É só que isso é problema deles.


—Quer dizer que se eu soubesse que Rosie trai você, você não gostaria que eu contasse?


—Isso é diferente Edward.


—Por que?


—Porque você não está apaixonado por mim porra! Admita, se fosse uma garota qualquer você não ligaria para o que aquela anta do seu irmão faz. Mas você quer que Bella saiba, porque se eles terminarem você pode ficar com ela.


—Isso não... Isso não é verdade.


—Ah, qual é cara. Admita de uma vez.


—Eu não quero...


—Admita!!


—Está bem!!- Gritei com Emmett.- Eu quero que ela descubra. Quero que ela de um chute naquele idiota. Que o mande para o inferno, porque ele não a merece. Eu a mereço. Eu a amo está bem? Feliz agora?


–Uou.. Espera aí! O que você disse?- Só depois percebei o que tinha falado em voz alta.


—Eu a amo.


—Eu pensei que não fosse nada que uma transa não resolvesse.


—Claro que não idiota. Eu não sou como o idiota do meu irmão.


— Se você realmente ama ela, então tem que se afastar antes que fique fodidamente complicado. Isso se já não está.


—Está tudo sobre controle.


—Claro. Tão sobre controle que você quase chutou a bunda do seu irmão hoje não é?


—Tudo bem. Talvez não esteja tão sobre controle quanto eu pensava, mas quando eu a vejo... E ela sorri. O meu mundo para. E quando eu peguei o Riley com aquela garota, imaginei que tudo seria tão mais fácil se Bella descobrisse.


—Viu. Não se sente melhor admitindo?


—Eu não sei porque peço conselhos para você. Você não está ajudando em nada.- Sai de lá sem saber onde ir.


Eu sabia que o mais inteligente seria me afastar de Bella. Isso só ficaria mais e mais complicado.


Duas semanas depois


Cheguei em casa depois da faculdade, eu estava cansado e as unicas coisas que queria era um banho quente e minha cama. Mas meus planos mudaram quando ouvi uma voz vinda da sala.


—Parece ótimo Dona Esme.


—Bella querida, já conversamos sobre o Dona. Não me faça me sentir mais velha do que sou.


—Boa noite.- Entrei na sala anunciando minha presença. Minha mãe que não sabia sobre as merdas que meu irmão fazia sorria e conversava normalmente. Quando Riley me viu, se olhar suplicava para que eu mantivesse minha boca fechada. E quando olhei para Bella ela sorriu e corou.


Eu não queria ser aquele que contaria que ela estava sendo traída. Isso partiria seu coração.


Decidi dar mais uma chance ao meu irmão e não disse nada sobre seus encontros.


—Boa noite meu filho. O jantar está quase pronto. Por que não vai tomar seu banho e junta a nós?


—Ele deve estar cansado mãe. Não é Edward?- Eu vi o que ele estava tentando fazer. Ele queria me manter longe. Mas não seria tão fácil quanto ele pensava.


—Na verdade não Riley. Eu só vou tomar meu banho e já me junto a vocês. Boa noite Bella.- Eu disse dando meu sorriso torto. Eu sabia ser charmoso quando me interessava.


—Boa noite Edward.- Ela respondeu sorrindo ainda corada. Ela sempre corava quando eu sorria em sua direção. Isso quase me fez pensar que ela gostava de mim tanto quanto eu dela. Mas isso devia ser coisa da minha cabeça. Esse seria um jantar muito interessante. Ainda mais com o fato de Riley estar morrendo de medo que eu contasse seu pequeno segredo. Mas eu não faria isso. Faria? 




CONTINUA...